quarta-feira, maio 14, 2014


Estudantes de Farmácia da UEPG realizaram protesto na manhã de hoje.

1

Estudantes  do curso de farmácia da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), realizaram um protesto na manhã de hoje pelas ruas principais no centro de Ponta Grossa.

Organizado pelo Conselho Regional de Farmácias (CRF-PR), os estudantes protestam para que os estabelecimentos farmacêuticos tornem-se locais com atendimentos exclusivos à saúde.

De acordo com José Carlos Vettorazzi, presidente do Conselho regional, a ideia é dar maior valorização aos profissionais da área e a comunidade. Ainda segundo ele, os farmacêuticos devem priorizar os atendimentos à população com relação ao uso correto de medicamentos, teste de glicemia, teste de PA, entre outros, não fazendo da farmácia uma loja de conveniências. 

O Movimento era também para demonstrar  apoiar a Lei nº 4385/94 que está tramitando na Câmara Federal, o qual diz que as farmácias devem ser de responsabilidade do profissional farmacêutico.

O manifesto que passou pelo Calçadão, Saldanha Marinho, Praça Barão de Guaraúna e Avenida Vicente Machado, terminou no Parque Ambiental por volta das 10h30.










 

    Imagens: Divulgação

1 comentários:

Liza e Joe disse...

esperamos ter atingido o objetivo

Postar um comentário