segunda-feira, janeiro 26, 2015


PG: Grupo mata Tatuador e joga corpo em cava na região do Santa Tereza, todos já foram presos.

6

O corpo do homem foi encontrado em uma das cavas na região do Santa Tereza por volta das 10h00 da manhã de sábado,24/01.

O cadáver foi encontrado por um homem que andava a cavalo na região, como ele mesmo disse: "Na verdade quem encontro foi o animal, até ele se espantou com o achado".


Nilson Aparecido de Paula, 37 anos, tatuador , morador da Vila Nova, foi reconhecido por familiares no IML.


Ainda não foi apurada a causa da morte, a principio ele teria sido espancado violentamente, depois de morto, seu corpo foi jogado nas águas.


Ele não apresentava ferimentos provocados por armas, como tiros, facadas, as suas mãos estavam amarradas com fio de luz.


Em um rápido trabalho, uma ação da Policia Militar e Policia Civil , vários suspeitos foram detidos por volta das 12h40 de sábado, dois conseguiram escapar, todos foram encaminhados para a delegacia.


O motivo teria sido uma briga durante a semana, onde todos estariam envolvidos, a briga e as prisões aconteceram na residencial América no final do Santa Luzia.


Ainda na noite de sábado mais um envolvido foi detido por uma equipe do CHOQUE e encaminhado para a delegacia, na manhã de ontem o último envolvido foi preso por equipes da Policia Militar e também conduzido a 13ªSDP.

Dos detidos os quais todos foram autuados em flagrante, três são menores.



































6 comentários:

Thainara Carvalho disse...

Meu Deus, quanta maldade!!! Onde vamos parar com essa violência?

Anônimo disse...

nem sei oq dizer so sei q falta Deus na vidas dessas pessoas .

Anônimo disse...

Triste isso.

Anônimo disse...

vdd meu amigo e mta falta de amor e Deus no coracao.

Anônimo disse...

deveria existir a lei da pena de morte sim é muita violencia só assim pra parar

Anônimo disse...

Se for o mesmo tatuador que conheci, ele tmb ja tinha tirado a vida de outras pessoas! Confirma a ficha dele ai RS policia.

Postar um comentário