quinta-feira, fevereiro 05, 2015


Cortando a própria carne: Guarda Municipal prende um dos seus por roubo.

0
    
Imagem:Divulgação/PMPG


A Guarda Municipal de Ponta Grossa, ligada à Secretaria Municipal de Cidadania e Segurança Pública, prendeu na tarde desta quarta-feira cinco envolvidos no furto de equipamentos na Secretaria Municipal de Saúde, entre eles, um guarda municipal. O crime foi cometido na madrugada dia 27 de janeiro e foi comandado pelo guarda Eliel Guimarães, admitido na corporação em março de 2012. Em março deste ano, Guimarães encerraria o seu estágio probatório, de três anos, na Guarda Municipal.

Os envolvidos foram encaminhados para 13.ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa, que assume o caso a partir de agora. Juntamente com o inquérito policial, Guimarães irá responder também a um processo administrativo, que acarretará na sua expulsão. O guarda já vinha sendo investigado pela Corregedoria e Ouvidoria da Secretaria de Cidadania e Segurança Pública por envolvimento em uma briga, ocorrida no ano passado, na avenida Balduíno Taques. “Os nossos profissionais devem ter uma conduta ilibada. A nossa tolerância para estes casos é zero. Todos os guardas são constantemente fiscalizados e se preciso for, cortamos na própria carne”, disse o secretário Ary Lovato, ao anunciar a elucidação do furto.

O FURTO
Depois de vistoriar a Secretaria Municipal de Saúde, logo após o furto, a Guarda Municipal levantou a hipótese de o crime ter sido cometido por alguém da corporação, pois não foi encontrado no local sinais de arrombamento. A partir daí, o caso foi encaminhado para a Ouvidoria e Corregedoria da Secretaria de Cidadania e Segurança Pública. Os investigadores chegaram ao nome de Guimarães por evidências deixadas por ele: no local foi encontrada uma camisa e naquela madrugada, era o guarda que fazia a segurança da Secretaria de Saúde. Desde então, o caso vinha sendo mantido em sigilo para que nada atrapalhassem a investigação.


Nesta quarta-feira, a Guarda Municipal prendeu um dos envolvidos (uma mulher), que confessou a participação de Guimarães. Confrontado com a mulher presa, Guimarães confessou a autoria do furto. Foram levados da Secretaria Municipal de Saúde uma televisão, um notebook, uma cafeteira e a carteira da secretária Ângela Pompeo. Todos os produtos foram recuperados. Além de Guimarães e a mulher envolvida, foram presos também três receptadores, que estavam prontos para repassar os equipamentos.
Fonte: Imprensa/ PMPG




0 comentários:

Postar um comentário