quinta-feira, maio 07, 2015


Mistério:Desaparecimento leva a policia a prender três suspeitos em Carambeí

0

Suspeitos de tráfico e possível homicídio são presos em operação na manhã de hoje em Carambeí.

Segundo o delegado Marcus  Vinícius Sebastião titular da Delegacia de Carambeí, os três presos tinham mandado de prisão preventiva de 30 dias.

Policiais Civis com apoio da Policia Militar iniciaram a operação para cumprir os três mandados de prisão e mais seis de busca e apreensão por volta das 06h da manhã desta quinta feira, o Jd Eldorado era o ponto mais visado pelos policiais.

Nesta região os três suspeitos foram detidos, em uma das casas a policia encontrou uma caderneta com várias anotações que remetem ao tráfico de drogas, nomes, quantias e valores estava tudo anotado nesta caderneta que foi apreendida pela policia.

Segundo o delegado as investigações começaram depois que a família de José Valdines de Lima, 37 anos que desapareceu no dia 17 de janeiro deste ano, o procurou para relatar o sumiço de Valdines e a suspeita de que ele teria sido levado a força da casa. Segundo os relatos de familiares, todos estavam na residência e acabaram por saírem ficando apenas Valdines, quando voltaram o celular do desaparecido estava na casa e carregando , o ventilador ligado e a aporta aberta, desde então não se tem noticias dele.

As investigações que duraram cerca de três meses, e ainda não terminaram, levaram a policia até os três suspeitos.

Não existe prova material do crime , pois não existe um corpo, mas a policia e até mesmo a família já trabalham com essa hipótese , que a vitima possa ter sido morta e o seu corpo ocultado.

O delegado Marcus Sebastião disse que a policia continua com as investigações para conseguir reunir  provas que possam comprovar que os suspeitos presos têm ligação com o desaparecimento de José Valdines de Lima.

Todos os envolvidos eram amigos e tem passagens pela policia.

Qualquer informação que possa ajudar a desvendar esse caso, pode ser repassado para a Policia Civil de Carambeí, a denúncia pode ser anônima pelo fone: (42) 3231-1738



                                               Reprodução:Desaparecido










0 comentários:

Postar um comentário