quinta-feira, junho 18, 2015


Cruel: Corpo de garota desaparecida há 27 dias é encontrado com vestígios de estupro.

0

Foi encontrado no início da noite desta quarta feira, 17/06, um corpo do sexo feminino em adiantado estado de putrefação na região do Santa Luzia.

O corpo foi encontrado por moradores da região no meio do mato próximo da sede do Sindicato dos Metalúrgicos, os quais chamaram a Polícia Militar, a equipe, chegando no local, constatou o fato verificando que o corpo estava sem as roupas de baixo, apenas com um moletom cinza, devido ao adiantado estado de decomposição, o corpo foi reconhecido pela blusa e pelo anel que a vítima usava.

O cadáver é da jovem Monica Martins Galdino de 18 anos que morava no Dallabona, ela estava desaparecida desde o dia 22 de maio, quando saiu de sua casa apenas com a roupa do corpo, que seria uma calça jeans, tênis e uma blusa cinza.

Segundo as informações de familiares, ela teria sido vista em um ponto de tráfico na Rua Cascavel, região da Chapada, depois disso não se teve mais notícias dela.

O corpo foi encaminhado por volta das 21h para o Instituto Médico Legal.

Depois do desespero do desaparecimento de Mônica, e agora o encontro do corpo e saber o que ela deve ter passada, começa outro, a liberação do corpo da garota.

Devido ao estado do corpo, a identificação oficial só pode ser feita por exame de DNA, que no caso , segundo as informações obtidas, quando feito pelo estado pode demorar até cerca de um ano.

Como a família tem certeza pela roupa e por uma anel que se trata de Mônica, um juiz pode liberar por ordem judicial que o corpo seja liberado e possa ser enterrado pela família.

A família está agora correndo atrás dessa autorização.






0 comentários:

Postar um comentário