quarta-feira, março 09, 2016


Ação da PC coloca na cadeia suspeitos de latrocínio e acusados de vários roubos em PG

0

A operação teve inicio na manhã de hoje e envolveu cerca de 30 policiais  da 13ª SDP, entre delegados e investigadores.

A ação da Policia Civil foi para cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão na região do Dallabona e Bonsucesso.

As equipes comandadas pelos delegados  Mauricio Souza da Luz, Fernando Mauricio Jasinski, Marcus Vinícios Sebastião, Josimar Antônio da Silva e Flavio Ernesto Gaya Zanin, conseguiram prender e aprender quatro suspeitos, um dos elementos já havia sido detido pela Policia Militar na noite de um dos crimes mais graves dos quais são acusados, crime este que foi cometido durante um roubo a Boate Free Way na região do Contorno onde uma mulher foi morta, Jaqueline Ferreira teria sido agredida a chutes e levou um tiro na boca, ela não resistiu e morreu no local, este elemento foi preso depois de uma perseguição realizada pela PM, onde os suspeitos abandonaram o carro e fugiram a pé, perseguidos um foi preso.



O delegado Mauricio Souza da Luz (a direita), titular da Seção de Furtos e Roubos juntamente com o delegado Fernando Mauricio Jasinski, disse que depois da prisão de um dos envolvidos no dia do crime foi possível através de um trabalho de investigação chegar a todos os envolvidos, sendo três maiores e três menores, destes apenas um menor está foragido.

Ainda segundo o delegado nenhuma arma de fogo foi localizada na operação, apenas um facão que pode ser uma das armas utilizadas no dia do latrocínio, que foi logo após um outro roubo que também teria sido cometido pelos mesmos elementos em outra boate.

As prisões são temporárias (30 dias), neste tempo o delegado acredita terminar o inquérito policial, podendo assim se a justiça determinar, sair a prisão preventiva dos acusados.

Ainda segundo o delegado, as investigações de outros crimes de roubos , onde as vitimas foram amarradas e sempre houve muita truculência por parte dos integrantes levam aos mesmo elementos.

Foram presos na ação Leandro Rafael Vicente,18 anos, Kelvin Luiz Florenski, 21 anos, Wilhian Ville Mendes dos Santos, 20 anos e mais dois menores apreendidos.

Leandro quando menor, apenas 15 anos já escapou da morte em uma troca de tiros com a Policia Militar, juntamente com outros elementos, eles assaltaram a Farmácia Nissei na Dom Pedro II, uma viatura que fazia patrulhamento na área percebeu o assalto e fez a abordagem, um amigo de Leandro que tinha apenas 14 anos morreu na troca de tiros dentro da farmácia, outros dois ficaram feridos, um deles era o Leandro que foi levado em estado grave na época para a Santa Casa.




















0 comentários:

Postar um comentário