segunda-feira, março 14, 2016


Setor de Homicídios prende acusado de matar idoso a pedradas na Cel.Claudio

1

A prisão foi efetuada por uma equipe do Setor de Homicídios da Policia Civil de Ponta Grossa depois que o crime foi registrado na 13ª SDP.

Após receberem informações que o autor poderia ainda estar na região , a equipe passou a monitorar os locais indicados nas denúncias.

Cerca de quatro horas e meia depois do corpo ser encontrado o suspeito já recebia voz de prisão por parte dos investigadores da Homicídios.

Leanderson Santana da Silva , 24 anos foi preso em uma casa na Cel. Cláudio próximo do local onde ele é acusado de ter matado o senhor João Apostólico Filho de 64 anos com golpes na cabeça, ele teria usado um pedaço de manilha para praticar o crime, o qual foi encontrado ao lado do corpo sujo de sangue.

Segundo as informações apuradas pela página, testemunhas afirmaram que Leanderson teria chegado dizendo que teria matado um velho a pedradas.

Leanderson quando foi localizado estava com uma blusa que continha sujidades aparentemente de sangue, o material foi recolhido e será analisado.

Leanderson depois que foi encaminhado para a 13ª SDP foi autuado em flagrante pelo delegado Marcus Vinícios Sebastião.
......

O caso postado na manhã de hoje....

O corpo que foi encontrado na manhã de hoje(14/03) por moradores da região na Rua Olavo Bilac proximidades do Campo do Olinda foi identificado. 

O corpo foi reconhecido no IML de Ponta Grossa, e trata-se de João Apostólico Filho, 64 anos, segundo o registro do Serviço Funerário ele morava no Jd. Paraíso, região de Uvaranas.  

Populares acionaram o Siate do Corpo de Bombeiros por volta das 05h40 da manhã de hoje, mas ao chegar no local já pediram apoio a equipe Alfa do Samu, o médico atestou a morte.

O corpo segundo o médico do Samu já estava com rigidez cadavérica, mostrando que o fato possivelmente aconteceu ainda na noite de ontem.

A Policia Militar , Criminalística e IML foram acionados para o local.

A vitima que não portava documentos, e não era conhecido dos moradores que por ali passaram, pode ter ido até aquela região buscar ou levar algum animal(Cavalo) pois ao lado do corpo estava um areio, e no campo ao lado , havia animais.

No local foi encontrado um pedaço de manilha suja com sangue, objeto este que teria sido usado para golpear a vitima na cabeça.

O corpo foi recolhido pelo IML sem identificação, mas foi reconhecido no Instituto Médico Legal por familiares.













1 comentários:

Anônimo disse...

Misericordia....qe covardia.....
sentimentos a familia.....
qe a justiça seja feita.....

Postar um comentário