quinta-feira, agosto 03, 2017


Caminhoneiro troca tiros com a PM para não deixar seu caminhão ser apreendido em Carambeí

0



A  situação aconteceu por volta das 18h em um Posto de Combustível na PR 151 região de Carambeí.

Segundo as informações um oficial de Justiça juntamente com dois policiais abordaram o homem para entregar um Mandado de Busca e Apreensão.

Quando soube que seu caminhão seria apreendido, ele teria entrado no cavalinho que estava parado em um posto de combustível, sacado uma arma e atirado contra os policiais, um dos policiais militares foi atingido no rosto e na mão, o outro nas costas , mas o tiro pegou no colete , nisto os dois integrantes da Policia Militar revidaram.

O motorista do caminhão,Leandro Vriesman, foi atingido na perna, e foi trazido para um Hospital Regional de Ponta Grossa onde recebeu atendimento e em seguida conduzido para a Delegacia de Carambeí onde foi autuado em flagrante.

Foi apreendido no local o revólver calibre .38 usado pelo motorista.
Imagens: WhatsApp
....

Vriesman...
Outro fato que aconteceu com o irmão de Leandro e também ganhou destaque no meio policial , foi em maio de 2015.

Alvaro Adriano Vriesman , 31 anos conhecido como Chico Bala foi morto com três tiros na cabeça em Curitiba, no início a policia trabalhava com a hipótese de latrocínio , mas depois as investigações apontaram que a mulher do agropecuarista juntamente com o amante planejaram a morte dele .




Confira a matéria postada no dia 



Foi presa na última quarta feira dia 20/05 Gisele Kordel, esposa do agropecuarista Álvaro Adriano Vriesman, 31 anos, e acusada de ser mandante do assassinato do seu marido, conhecido como Chico Bala que foi assassinado a tiros em fevereiro, com ela mais dois elementos que seriam os executores também foram presos.

O crime aconteceu na madrugada do dia 16 de fevereiro deste ano na esquina da Av. Iguaçu com a Rua Brigadeiro Franco em Curitiba nas proximidades do Hospital Pequeno Príncipe onde seu filho estava internado. 

Chico Bala levou três tiros na cabeça, foi socorrido com vida e encaminhado em estado grave ao Hospital do Trabalhador, mas não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.

Segundo as informações no momento do crime ele estava conversando pelo celular com a esposa ,ele havia recém saído do hospital e se dirigia ao hotel onde iria dormir , enquanto a esposa dormiria no hospital acompanhando o filho do casal.

As primeiras suspeitas eram de que se tratava de latrocínio, ou seja, roubo seguido de morte, mas depois de três meses de investigações passou a ser considerado homicídio.

Depois de dois meses de investigação, policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Curitiba em conjunto com a Polícia Civil de Carambeí, prenderam dois homens na terça feira dia 19/05 suspeitos de cometer o crime, eles apontaram a esposa da vítima como a mandante do assassinato do marido.


Estão presos Gisele Kordel, Cleberson Bruno Galvão e Daniel Fedex.

                                     Vitima: Álvaro Adriano Vriesman, 31 anos



Reprodução Facebook
Vitima e a acusada do crime


Cleberson Bruno Galvão, um dos presos suspeitos de cometer o crime.
Reprodução Facebook arquivo pessoal






0 comentários:

Postar um comentário