terça-feira, julho 10, 2018


Identificado: Colombiano morto a facadas no final de semana em Uvaranas foi identificado no IML

0


Relatório da Polícia Militar

Ocorrência: Atendimento de Local de Morte
Data: 07/07/2018
Horário: 03h40min
Local: Residencial Costa Rica II

Descrição: Um homem de aproximadamente 40 anos foi encontrado em óbito em via pública.
A vítima, não identificada, apresentava ferimentos por arma branca.
A equipe do SAMU atestou o óbito no local e a Criminalística da Polícia Civil compareceu ao local para as devidas providências.
Sendo a vítima encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML).
...................

RS O homem, que não estava com documentos, levou três facadas, sendo uma no pescoço, uma nas costas e uma do lado direito do tórax.

Segundo as informações , foi ouvido gritos no local, inclusive de uma mulher, a qual dizia para alguém "parar"...

Um outro pessoal que sai de uma festa, que teria acontecido um pouco abaixo do local do homicídio, ao subirem para casa, viram a pessoa caída, e foram olhar, viram o sangue e decidiram chamar a policia.

A Policia Militar foi acionado para o local que disseram ser em frente ao um bar no Costa Rica, no local os policiais militares só acharam um pé do calçado da vitima.

Na rua um pouco abaixo os PM encontraram vestígios de sangue na rua e na calçada,cerna de uns 80 metros abaixo o corpo foi localizado.

A vitima que ainda não foi identificada, estava com 22,00 em dinheiro no bolso alguns guardanapos e um pacote de fumo, mas nenhum documento que o identificasse.

Se você tiver alguma informação que possa ajudar a identificação, ligue para o IML no telefone (42) 3309-0300.

Segundo as informações do IML, a vitima não possui tatuagens nem marcas que possam identificar o corpo.
......

 RS - Atualização

O corpo foi identificado na tarde desta terça feira (10/07) como sendo o colombiano Daniel Alejandro Losano Lopes, segundo as informações, sua namorada reconheceu a vítima no Instituto Médico Legal.

O caso está sendo investigado pela equipe do Setor de Homicídios da Polícia Civil.























0 comentários:

Postar um comentário